Previous
Next

Bicicleta MTB Carbono, top 4, menor custo do mercado Nacional.

bicileta-mtb-carbono

Neste artigo vamos tratar: Bicicleta MTB Carbono, isso mesmos as bicicletas de Mountain bike fabricadas em carbono das marcas nacionais, aquelas com menor custo do modelo 2021.

Gostaria de salientar que neste momento não está disponível no site das respectivas fabricantes a linha 2021 da Audax, Athor, FKS, TSW, Soul ou alguma outra marca nacional que irá oferecer em seu portfólio uma bicicleta MTB Carbono modelo 2021.

Um detalhe importante é a dificuldade dos fabricantes em conseguir fabricar o volume necessário para atender a demanda, existe uma falta de vários insumos no mercado devido a pandemia, desde componentes e até mesmo material de embalagem.

Modelos analisados bicicleta MTB Carbono

Quadros bicicleta MTB Carbono

Vamos começar a análise com o que é mais importante, o quadro.

Apesar de colocar no quadro final detalhes como boost, tapered e cabeamento interno, não dá para pensar em uma bicicleta Mtb de carbono fabricada em 2021 sem estes detalhes.

Sobre a geometria coloquei apenas 2 detalhes que servem de base para saber se a marca segue as novas tendências para as MTB de aro 29.

O primeiro é o Chain Stay, resumindo a medida entre o eixo traseiro e o centro do pedivela, quanto menor mais ágil será a bicicleta, irá favorecer as retomadas e facilitar para você remover a roda dianteira para transpor obstáculos.

Neste quesito a bike da Caloi é um destaque, dei uma pesquisada rápido nas mais conhecidas marcas do mundo e não encontrei nenhuma menor que a bike da Caloi.

F – Ângulo Cx Direção / D – Chain Stay

Segundo detalhe é o ângulo da caixa de direção, veja na ilustração, quanto mais para frente for a posição da suspensão em relação a caixa de direção menor será o ângulo.

Quanto menor mais fácil será para você transpor obstáculos e principalmente evitar virar para frente, vai contribuir muito para enfrentar as descidas com mais controle da bicicleta, neste quesito a bike da Sense leva a melhor.

Falando de tamanho, somente a Caloi e a Oggi oferecem bicicleta mtb carbono no tamanho 21, recebo com frequência pedido de seguidores no Instagram onde encontrar este tamanho, neste caso a Sense e a Groove deixaram a desejar.

Com relação ao visual fica a gosto de cada um, a que mais chama minha atenção é a Sense.

Suspensão.

Com relação a suspensão só a Oggi usa a marca Manitou versão Markhor, as demais optaram pela Rock Shox.

A Manitou tem as hastes em Alumínio com 30mm e as Rock Shox são de 32mm, quando na descrição estiver descrito Gold é de alumínio, se for Silver é Aço.

Essa observação de alumínio ou aço irá contribuir diretamente no peso da suspensão e a espessura da haste na torção em obstáculos.

Todas elas tem o curso de 100mm, a da Groove usa 110mm, pouca diferença.

São suspensões básicas das marcas, mas todas têm trava no guidão e o sistema é a base de ar e óleo, não usam mola, contribuindo para uma boa leitura do terreno e adaptação para o peso de cada ciclista.

Kit de marcha

Observamos no ano passado as mtb de carbono de menor custo utilizavam componentes da Sram, porém no segundo semestre a Shimano lançou o Kit deore de 12V.

Como sempre falo aqui nos meus artigos, para usar uma coroa é necessário ter no mínimo 12 marchas, usar um cassete com o pinhão menor de 10 velocidades e o maior de pelo menos 50 dentes.

Neste quesito a Shimano usa em toda sua linha de 12 velocidades. A Sram insiste em usar o pinhão menor de 11v nos cassetes SX e NX.

Todas as 4 mtb carbono usam Shimano, entre a linha Deore e a SLX, as diferença delas está mais relacionado a peso que a precisão.

E com relação ao peso a diferença mais considerável está no pedivela, única que usa é a Caloi.

Confira mais detalhes no quadro final.

Rodas e Pneus

Fico feliz em ver que as marcas nacionais já entenderam a necessidade das rodas MTB devem ter no mínimo 25mm de espessura interna, com isso assentar de maneira correta os pneus acima de 2.20.

Todas as marcas usam aro de 25mm ou superior, com cubos Shimano Deore.

Os pneus são de marcas conhecidas e excelente qualidade, usam tecnologia tubeless e vale muito a pena já retirar da loja sem câmera de ar e instalar liquido selante, confira este artigo que falo um pouco a mais de pneus.

Cockpit

Nenhuma diferença significante nestes itens(Guidão/avanço/canote e selim).

O único detalhe que vai ajudar na condução das mtb com aro 29 é o tamanho do guidão, quanto maior mais controle terá da direção.

Outro fato é o sistema de cabeamento passando pelo avanço e guidão da Sense, tem um acabamento diferenciado, que vale a pena observar.

Quadro comparativo, bicicleta mtb carbono (Gire o celular para melhor visualização)

Iremos fazer um comparativo com pontuação, como são 4 modelos, a pontuação máxima por item será 4 portanto a mínima 1 ponto. Caso não tenha o item zera.

Como irá funcionar: A Melhor no item receberá 4 pontos a segunda 3 e assim sucessivamente, caso seja empate ou mesma característica elas ganham o mesmo ponto.

O tema é custo, então o valor será pontuado de maneira dobrada.

Conclusão

Quando tratamos o preço das bicicletas no Brasil, sempre vamos ter discussão, os valores são realmente fora da curva.

Ainda mais alto quando falamos de bicicleta MTB de Carbono, pois os tributos ainda são mais caros, por causa da importação.

Contudo esse material é o melhor para fabricar MTB, devido ao peso, resistência e principalmente maleabilidade para absorver os impactos dos terrenos irregulares que ela enfrenta.

Infelizmente é o que temos hoje, então vamos ao veredito.

No comparativo fica claro o custo benefício da Oggi Agile Sport, é a mais barata, oferece seguro de 1 ano para roubo qualificado e ainda vem já com o pedal de Clip.

Em termos de equipamento, não perde em nada para as demais, fica a observação da geometria do quadro que precisa passar por uma atualização.

A Caloi entra na briga com um quadro realmente atualizado, vêm equipada com um grupo superior a bike da Oggi, ela poderia ter caprichado mais na pintura, mas se observamos a sua coirmã Cannondale percebemos também um grafismo mais simples.

A Sense trás um quadro melhor acabado com boa geometria e detalhes visuais como o sistema full de cabeamento, que deixa a bike com um visual bem atraente.

A Groove é uma boa MTB, não perde tecnicamente em nada para as demais, mas não tem nada que justifica o valor de mais de R$2.000,00 perante a concorrência.

Concluindo, façam suas escolhas, não será fácil encontrar nas lojas nenhuma destas 4 opções, devido a falta de produto que mencionei no início do artigo.

Espero ter contribuído com informações para facilitar a sua tomada de decisão.

Compartilhe nosso conteúdo e não deixe de seguir nossas redes sociais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.